08/12

Como funciona o motor de um carro Flex?

Como funciona o motor de um carro Flex1

Em resumo, um veículo de combustível flexível é aquele que pode ser executado com álcool ou gasolina no mesmo tanque. Esse tipo de motor tem sido bastante comercializado, mas muitas pessoas ainda não sabem como ele funciona.

Os consumidores têm a opção de comprar carros Flex nos Estados Unidos desde 1995. Mas o Brasil é, na verdade, o maior mercado de veículos de combustível flexível do mundo. Mais de 90% dos veículos novos vendidos hoje no país têm motores flexíveis.

Os motores Flex não são muito diferentes de motores a gasolina, nem são a tecnologia da era espacial. Um motor Flex possui regulagem intermediária para queimar a gasolina e o álcool, com apenas um tanque. O sistema de alimentação é semelhante ao de um carro a álcool, porque os bicos injetores são 30% maiores e possuem mais vazão.

A taxa que mede o número de vezes em que a mistura de ar e combustível é comprimida antes de explodir é intermediária entre os motores a gasolina e os a álcool. De modo geral, o derivado do petróleo tem uma compressão de 9:1, e o álcool fica em 12:1. Os veículos bicombustíveis usam uma taxa intermediária por volta de 11:1.

Nos motores Flex, os gases queimados nas explosões são analisados por uma sonda lambda, e o módulo de controle do motor leva de dois a quatro milisegundos para ajustar o ponto de ignição e a injeção. Sendo assim, os acertos são feitos depois da queima.